XP Expert

“Pandemia escancarou a desigualdade social como o principal problema do Brasil”, diz economista Ana Carla Abrão

Economistas analisaram que agenda de reformas é chave para acelerar a economia brasileira

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Seguindo a tendência de análises econômicas do terceiro dia da Expert XP 2020, Vitor Vidal, economista da XP, recebeu Ana Carla Abrão para um painel que discutiu as práticas do setor público que são importantes para reaquecer a economia brasileira.

Ana Carla avaliou que os impactos da pandemia aceleram a necessidade de uma agenda de reformas e que abra setores importantes para trazer investimentos. Outro ponto importante dessas reformas é a possibilidade de diminuir a desigualdade social que, segundo a economista, foi escancarada nesse período e é o maior problema que o Brasil enfrenta.

Acesse a página do evento Jornada do Investidor

Reformas administrativa e fiscal

Para a especialista a reforma administrativa é chave para melhorar a questão da desigualdade, enxugando os custos de servidores federais e abrindo possibilidade de desconcentrar os gastos para outras áreas do governo.

“A Reforma fiscal também é primordial para estabilizar os juros e cortar o custo altíssimo da máquina pública. O teto de gastos pode até ter melhorado olhando a nível federal. Mas em âmbito estadual e municipal, o desequilíbrio é enorme.”, disse a economista.

Ana Carla também vê um cenário perigoso caso essa agenda não caminhe: “Nós estamos em um processo de empobrecimento que daqui 5 anos vai potencializar todos os problemas que já são muito grandes.”

Mercado de trabalho

Mesmo com o avanço que a reforma trabalhista de 2017 representou, os especialistas avaliam que ainda há espaço para um flexibilização nas leis e nas relações de trabalho no Brasil. As reformas administrativa e fiscal podem atingir esse ponto de forma indireta, mas ainda pode ser melhorado com flexibilização para que mais trabalhadores saiam da informalidade e faça o setor público mais eficiente.

Mas no caso de uma nova reforma trabalhista, Ana Carla avalia que é improvável que aconteça diante de tantos outros desafios que o governo tem à frente. “Ainda temos coisas mais importantes e urgentes na frente. Ainda precisamos fazer a lição de casa, então acredito que não teremos uma nova reforma em um horizonte tão próximo”, ponderou a especialista.

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.