XP Expert

Larry Fink, fundador e CEO da maior gestora de recursos do mundo, reforça a importância dos aspectos ESG durante seu painel na Expert

Larry Fink, fundador e CEO da Black Rock, compartilha sua visão acerca de temas chave nos investimentos no quarto dia da Expert - veja aqui os principais destaques

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail


Na tarde do quarto dia da Expert, Larry Fink, fundador e CEO da Black Rock, discutiu os principais desafios que os mercados enfrentam atualmente, reforçou a relevância cada vez maior dos fatores ESG (Environmental, Social and Governance, na sigla em inglês) nos investimentos e comentou a importância da diversificação dos portfólios.

A Black Rock é a maior gestora de recursos do mundo, com US$7 trilhões em ativos sob gestão – ou seja, 4x o PIB do Brasil!

Uma visão geral da situação atual:

Nos últimos meses, vimos a queda e a recuperação mais rápida da história nos mercados, ao mesmo tempo em que a crise do COVID-19 ainda não acabou. Na visão de Larry Fink, ainda não vimos o pior relacionado ao vírus. Segundo ele, neste momento, nos EUA, existem 55 mil novos casos / dia, o que implica uma taxa de mortalidade em torno de 0,5%, valor este que se compara à gripe de ~0,1% e outros vírus, como SARS e MERS, acima de 5%. Do lado positivo, Larry destacou as injeções recordes de estímulo monetário e fiscal ao redor do mundo, o que colaborou com a recuperação dos mercados nos últimos meses.

Cenário pós-pandêmico:

Apesar da notável recuperação dos mercados, Larry se preocupa com a retomada e respectiva viabilidade de pequenos e médios negócios, como restaurantes e aqueles relacionados ao turismo, por exemplo, e disse que provavelmente muitas dinâmicas, em termos de operação, irão mudar após a crise do COVID-19. Quanto ao que Larry espera para os mercados adiante, ele ressaltou que o fato de haver uma quantidade relevante de liquidez no balanço das empresas, bem como no mercado em geral, dado o cenário de crise ainda vigente, dificulta a visibilidade de onde o mercado estará no próximo 2-3 meses.

ESG importa, e muito:

“Sou ambientalista. Mas não escrevi a carta como ambientalista, mas sim como capitalista” – disse Larry Fink, se referindo à sua última carta anual aos CEOs. Segundo ele, há cada vez mais clientes em todo o mundo perguntando como eles devem pensar sobre as mudanças climáticas em seus portfólios e, para Larry, essa preocupação só aumentará ao longo do tempo. “Risco climático é risco de investimento”, disse ele, e destacou que aqueles que não começarem a olhar para isso terão sérios problemas em seus investimentos. Para Larry, o foco não é apenas o “E” (Environmental), mas também o “S” (Social). Em sua opinião, os fatores ESG estão se tornando cada vez mais dominantes, e não somente no que se refere à sustentabilidade, mas também sobre como as empresas evoluirão para se tornarem muito mais engajadas socialmente. No que se refere aos diferentes estágios dos países em relação aos aspectos ESG, ele afirmou que os europeus estão à frente e acelerando, enquanto nos EUA, América Latina e Ásia, o processo tem sido mais gradual, com áreas e governos mais focados no tema, enquanto outros ainda estão em negação. Ao ser questionado sobre o papel do COVID-19 nas preocupações com as mudanças climáticas, ele disse que a pandemia apenas torna isso mais urgente e reforça a importância de todos os investidores olharem para isso.

Diversificação de portfólio:

Larry Fink explicou que o movimento que estamos vendo no Brasil, em relação à queda da taxa de juros do país, é o que ele viu em todos os países que já tiveram esse ciclo e a consequência, segundo ele, foi a mesma: uma enorme busca por novos ativos nos portfólios, o que levou à uma ampla diversificação das carteiras, seja em termos de investimento em novos produtos, quanto em novos lugares. Para Larry, a diversificação é chave – permite um mundo melhor e mais “saudável” e, principalmente, uma melhor rentabilidade das carteiras.

Nesse sentido, Larry destacou sua visão sobre a XP que, ao dar acesso à educação e conhecimento, permite que mais brasileiros sejam educados financeiramente e, consequentemente, menor a dependência que elas têm em ter seu dinheiro nos bancos. E Larry ainda destacou: “É por isso que a XP é tão importante para o Brasil”.

Quanto ao mercado de ETFs, que a Black Rock é líder global, Larry disse: “ETF é mais que um instrumento, é uma tecnologia, que permite que os investidores gerenciem melhor seus ativos”. E complementou que cada vez mais investidores estão usando os ETFs como componente central em seus portfólios, com essa indústria já valendo ~US$6 trilhões e ainda crescendo rapidamente.

Implicações de longo prazo do COVID-19:

Larry Fink encerrou o painel com uma mensagem de esperança: “Ainda temos muita incerteza, mas vou dizer que estamos nos tornando melhores organizações”. Na visão de Larry, o que tivemos de aprendizados com o COVID-19 e o que estamos aprendendo atualmente com a crescente relevância da sustentabilidade, das mudanças climáticas e da desigualdade racial é que as empresas que focam nos seus funcionários, na necessidade de seus clientes, e desempenham, cada vez mais, um papel maior na sociedade, são, na visão de Larry, as empresas vencedoras.

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.