XP Expert

🌎 RADAR GLOBAL: TikTok rumo ao IPO

O app de vídeos curtos caminha para abrir capital em Hong Kong

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

MACRO

Mercados internacionais perdem força e amanhecem mistos. Nos EUA (-0,3%), apesar do entusiasmo com vacina “extraordinária”, incertezas quanto ao litígio eleitoral persistem. Na Europa (+0,3%), setores da velha economia, como bancos e linhas aéreas, foram os mais beneficiados com a notícia.

Coronavírus: A Pfizer e BioNtech anunciaram que, durante a fase 3 de testes, sua vacina teve uma eficácia de 90% na prevenção do vírus. Apenas 94 dos 43.358 voluntários contraíram Covid-19; destes, 8 haviam sido vacinados e 86 receberam placebo. Poucos dias após as eleições nos EUA, Dr. Fauci achou os resultados “extraordinários”.

Indicadores: EUA – Relatório JOLTS às 12h.  

EMPRESAS

Temporada de Resultados do 3T20: Hoje – Adidas, Lyft e BioNtech. Ontem:

Fonte: Bloomberg, XP Investimentos

A Nikola, montadora de veículos elétricos, reportou um prejuízo de US$ 0,16/ação (exp. -US$0,2), e um prejuízo operacional de US$ 59 milhões (exp. -US$ 71 milhões). Segundo a empresa, a parceria estratégica com a GM não foi descartada, e continua sendo negociada.

Beyond Meat: A fabricante de hambúrgueres vegetais reportou receitas de US$ 94,4 milhões no 3T, 28% abaixo do consenso, e um prejuízo operacional de US$ 4,3 mi (vs. lucro de US$ 12,6 milhões esperado). Diferente do 2T, quando consumidores estocaram produtos, as vendas do varejo não compensaram a queda do segmento de foodservice.

Além do resultado, a Beyond Meat anunciou ontem que ajudou o McDonald’s a desenvolver sua linha McPlant, de produtos à base vegetal.

Berkshire Hathaway: A holding de Warren Buffett reportou lucros operacionais 7% abaixo do consenso e 32% menor a/a. Do lado positivo, os ganhos com o portfólio de US$ 245 bilhões em ações (que inclui papéis da Apple, Coca-Cola e Bank of America) impulsionaram o lucro líquido (+82% a/a). No 3T a empresa recomprou um recorde de US$ 9 bi em ações (US$ 16 bi no ano), sinalizando que para Buffett, a ação parece estar subvalorizada.

Softbank, dono do maior fundo de investimento em tech e startups do mundo (US$ 100 bilhões), teve um lucro de US$ 6 bilhões no último trimestre, revertendo um prejuízo de US$ 9 bi no ano passado. Os resultados foram impulsionados pela valorização do portifólio de ações, principalmente da startup chinesa KE Holdings (+375% desde a alocação).

Bytedance, dona do TikTok, tenta levantar mais US$ 2 bilhões dos atuais investidores, como os fundos General Atlantic e Sequoia. A rodada avaliaria a empresa em US$ 180 bilhões e é vista como uma preparação para a listagem de algumas de suas controladas em Hong Kong, incluindo o Douyin (TikTok chinês) e Toutiao, responsáveis por 67% das receitas do grupo.

Mas a concorrência é forte: A Kuaishou Technology, principal rival do TikTok na China, protocolou seu pedido de IPO na bolsa de Hong Kong. Segundo o WSJ, a empresa espera levantar US$ 5 bilhões, alcançando um valuation de US$ 50 bi. A Tencent é uma das principais acionistas da empresa, com 22% de participação.

ANÁLISES

Recuperação em “V”: O Goldman Sachs rebaixou sua estimativa de crescimento do PIB global em 2021 de 6,6% para 6%, como reflexo do aumento de casos de Covid na Europa – mas ainda mais alto que o consenso de mercado de 5,2%. O cenário considera continuidade de estímulos fiscais e transferência de renda nos países mais afetados, além de um novo pacote fiscal reduzido de US$ 1 trilhão nos EUA.

Fonte: Goldman Sachs

Bom dia!

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins do artigo 1º da Instrução CVM nº 598/2018. Este relatório tem como objetivo único fornecer informações macroeconômicas e análises políticas, e não constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicitação de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participação em uma determinada estratégia de negócios em qualquer jurisdição. As informações contidas neste relatório foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Este relatório também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opiniões, estimativas e projeções expressas neste relatório refletem a opinião atual do responsável pelo conteúdo deste relatório na data de sua divulgação e estão, portanto, sujeitas a alterações sem aviso prévio. A XP Investimentos não tem obrigação de atualizar, modificar ou alterar este relatório e de informar o leitor. O responsável pela elaboração deste relatório certifica que as opiniões expressas nele refletem, de forma precisa, única e exclusiva, suas visões e opiniões pessoais, e foram produzidas de forma independente e autônoma, inclusive em relação a XP Investimentos. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informações sobre produtos, tabelas de custos operacionais e política de cobrança, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.