XP Expert

Pavel Durov: conheça o Czar da tecnologia que desafiou Putin

Saiba mais sobre empreendedor digital que criou o Telegram e a maior rede social da Rússia

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail
Pavel Durov: conheça o Czar da tecnologia que desafiou Putin

Criador do Vkontakte, maior rede social da Rússia, e do Telegram, aplicativo de mensagens instantâneas e principal concorrente do WhatsApp, Pavel Durov é apontado por muitos como o Zuckerberg russo.

Aos 36 anos ele lidera o maior império digital da Europa, sua carreira teve rápida ascensão aproveitando o boom da internet e das redes sociais nos anos 2000.

Como resultado, acumula uma fortuna de mais de US$ 17 bilhões e que segue crescendo a cada dia. Conheça mais sobre a história do Czar da Tecnologia:

Ínicio de carreira

Nascido na cidade de Leningrado em 1984, atual São Petersburgo, Pavel passou a maior parte da infância na Itália. Na época, seu pai Valery, PhD em Filologia – estudo de manuscritos e linguagens escritas – e trabalhava no país.

Voltou à Rússia para concluir seus estudos básicos, no Ginásio Acadêmico de São Petersburgo, instituição renomada na educação de matemática e física. Lá, Pavel aprofundou seu conhecimento por códigos e programação, assunto pelo qual já se mostrava muito interessado.

Relatos contam que ele inclusive hackeou o sistema da Escola enquanto estudava por lá, apresentando o domínio e ousadia que marcariam sua trajetória como empreendedor digital.

Em 2002 foi estudar Filologia, mesma área de formação de seu pai, na Universidade de São Petersburgo. Formou-se com grande destaque por seu desempenho.

VKontakte e conflito com Putin

Inspirado pelo Facebook, criado em 2004, em 2006 Durov e seu irmão Nikolay fundaram a rede social VKontakte.

Nos mesmos moldes da rede americana, a VK cresceu rapidamente e em 2011 já era um dos sites em idioma russo mais acessado em países como Rússia, Cazaquistão, Bielorrússia e Ucrânia.

No entanto, quando chegava a marca de 110 milhões de usuários, começaram os problemas. Durante a campanha de reeleição de Vladimir Putin, a rede social se tornou uma das principais armas de campanha dos partidos de oposição e de críticas ao atual presidente.

A polícia russa perseguiu Durov durante esse período, pressionando para que as páginas de opositores de Putin fossem apagadas. O então CEO da empresa resistiu com postagens provocativas e negando diversas ofertas de compra de órgão aliados ao governo.

Em 2013 acabou cedendo a parte da pressão e vendeu 12% de sua participação na VK por cerca de US$ 300 milhões para o conglomerado Mail.ru, que nasceu como um serviço de e-mail russo.

Em 2014, ainda CEO da KV, Pavel Durov enfrentou mais uma crise com o governo de Putin. Durante a Crise da Crimeia, que terminou com a anexação da Crimeia ao território russo e ocupação por força militar, a KV se tornou mais uma força de oposição à Putin e ao governo russo.

Pouco após ao desfecho da crise, Pavel renunciou ao cargo de CEO, dizendo que aliados de Putin haviam tomado controle da empresa. Em entrevista ao site especializado TechCrunch, Durov afirmou que estava fora da Rússia, “sem planos de voltar”. “Infelizmente, o país é incompatível com empresas de internet no momento”, concluiu.

Nessa mesma entrevista, o empresário anunciou planos de expandir o Telegram, fundado em 2013 e que rapidamente alcançara 1 milhão de usuários.

Atualmente a VK possui mais de 640 milhões de usuários, sendo um dos 15 sites mais acessados no mundo.

Criação do Telegram e consolidação

Morando primeiramente em Berlin e depois Dubai, Pavel Durov estava finalmente livre para desenvolver seus negócios sem interferência política. Nesse contexto, o Telegram cresceu exponencialmente consolidando-se com mais de 200 milhões de usuários e principal concorrente do WhatsApp.

A força do Telegram resultou inclusive na compra do WhatsApp pelo Facebook em 2014, em transação de cerca de US$ 22 bilhões.

Apesar das polêmicas pelo código bloqueado, que permitiu que o Estado Islâmico se organizasse pelo aplicativo, sem que nenhuma agência de segurança pudesse rastrear a movimentação, o aplicativo segue expandindo.

Atualmente são mais de 500 milhões de usuários mensalmente, sendo o aplicativo mais baixado no mundo em janeiro e fevereiro de 2021, impulsionado pela mudança de políticas do WhatsApp, que ampliou o compartilhamento de dados dos usuários.

No Brasil, o Telegram se popularizou principalmente em 2017, quando o Tribunal de Justiça de São Paulo determinou o bloqueio do WhatsApp em território nacional por 48 horas. A alegação é que o aplicativo não poderia realizar ligações por voz através da internet, serviço exclusivo para operadoras de telecomunicações.

Ainda assim, em meio a polêmicas e bloqueios o aplicativo é um dos grandes responsáveis por tornar Pavel Durov bilionário e grande nome do empreendedorismo digital.

Vida pessoal

Pai de duas crianças, Pavel Durov tem algumas crenças muito fortes. Muitas delas ele descreve e detalha no seu livro The Durov Code. The True Story of VK and its Creator, publicado em 2012.

Entre suas visões mais defendidas estão o vegetarianismo, a abstemia – não ingestão de álcool – e o libertalismo.

Conheça o Expert Pass XP, tudo sobre investimento em um só lugar com a visão dos maiores Experts do mercado. Retire agora o seu voucher de 30 dias de garantia.

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.