Você conhece os impostos da renda fixa?

Entenda quais são os impostos da renda fixa e como declarar.


Compartilhar:


Com a chegada do fim do período de declaração de imposto de renda, surgem muitas dúvidas, dentre elas sobre como declarar os investimentos.

Por isso, fizemos um passo a passo sobre todos os impostos da Renda Fixa para te ajudar.

Quais são os principais impostos da Renda Fixa?

Nos dois casos, o imposto só incide sobre o rendimento que for pago ao investidor (por resgate ou vencimento). Isso significa que o dinheiro que você investiu não será tributado – ele é seu.

Também significa que, enquanto não houver resgates ou vencimentos, não haverá recolhimento de impostos referentes à renda fixa no período.

Outra semelhança entre eles é que são recolhidos na fonte. Ou seja, a própria instituição financeira em que seu investimento estiver aplicado fará os cálculos e já descontará os impostos por você quando feitos resgates ou pagamentos de juros.

Em poucas palavras, você só precisa se preocupar em registrar os dados no sistema da Receita Federal.

Veja mais abaixo como encontrar seu informe de rendimentos em sua conta da XP Investimentos

IOF – Imposto sobre Operações Financeiras

Segundo a Receita Federal, o IOF é o Imposto sobre Operações de Crédito, Câmbio e Seguro, ou relativas a Títulos ou Valores Mobiliários.

Os Títulos ou Valores Mobiliários, por sua vez, nada mais são do que os seus investimentos.

No caso de renda fixa, são os títulos públicos (como aqueles do Tesouro Direto), emissões bancárias (CDBs, LCIs, LCAs, LCs e LFs) e crédito privado (debêntures, CRIs e CRAs).

O IOF tem tabela regressiva e incide apenas nos 30 primeiros dias de aplicação.

Ou seja, quanto mais tempo o dinheiro ficar aplicado, menos você paga de imposto e você somente pagará esse imposto caso resgate seus rendimentos durante o primeiro mês de aplicação.

Sendo assim, o ideal é evitar investir em ativos não-isentos de IOF quando souber que precisará dos recursos em menos de um mês.

IR – Imposto de Renda

O imposto de renda é aquele do qual muitos de nós não podemos fugir. É o tributo federal sobre os rendimentos dos cidadãos.

A declaração de imposto é obrigatória para todos os rendimentos que “tenham sido objeto de retenção na fonte do imposto sobre a renda ou de contribuições, ainda que em um único mês do ano-calendário”.

Para consultar todas as regras, acesse a Instrução Normativa da Receita Federal.

Como falamos anteriormente, o imposto de renda sobre aplicações de renda fixa é retido já na fonte.

A alíquota cobrada no caso desses investimentos é cobrada já descontando o IOF (caso aplicável) e baseada na seguinte tabela regressiva (quando o percentual cobrado vai caindo com o passar do tempo):

Por este motivo, é interessante buscar aplicações de médio a longo prazo se quiser investir em ativos que não sejam isentos de imposto, para conseguir assim reduzir os tributos pagos sobre os rendimentos.

Como declarar renda fixa?

Calendário

Fique atento às datas para não perder o prazo de declaração:

Passo a passo

Para melhor entendimento, assista o vídeo abaixo.

Em primeiro lugar, para declarar seu IR, é necessário fazer o download e instalar o programa IRPF 2020 ou o app da Receita Federal.

Selecione a opção “criar uma nova declaração” para iniciar.

Se você tem uma conta na XP Investimentos, você deve seguir os seguintes passos para encontrar seu informe de rendimentos:

  1. Entrar em sua conta.
  2. Buscar por “Imposto de Renda”.
  3. Escolher o ano-base de 2019 e clicar em “exibir” para baixar seu informe.
    • Nele, todos os cálculos de rendimentos já estarão feitos e bastará utilizá-los para preencher sua declaração..

São duas as categorias que deverão ser preenchidas no programa no caso de investimentos de renda fixa: Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva (código 6) e Bens e Direitos (código 45).

Bens e Direitos

Em seu informe, é possível ver a totalidade dos rendimentos de renda fixa, como comentamos acima, mas também se pode ver os detalhes de cada ativo e o saldo deles (quanto você ainda possuía ao final do ano).

Esses detalhes serão utilizados para preenchimento da ficha bens e direitos.

Todos os dados necessários estão contidos em seu informe de rendimentos (ver vídeo).

Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva

Se você resgatou algum investimento ou se houve algum vencimento de aplicação durante o ano anterior, é nesta seção que você vai refletir isso.

Aqui, selecione o código 6. O valor total dos rendimentos de renda fixa deve ser declarado nessa seção. Além disso, é necessário preencher o CNPJ e razão social de sua corretora (se investe em mais de uma, é necessário repetir os passos para cada uma delas)

Todos os dados necessários estão contidos em seu informe de rendimentos (ver vídeo).

Rendimentos Isentos de IR

Existem títulos de renda fixa que são isentos de imposto. São eles: LCIs, LCAs, CRIs, CRAs e debêntures incentivadas.

Porém, mesmo sendo isentos, eles deverão ser declarados.

Caso você tenha algum desses ativos, busque no programa do IRPF e em seu informe de rendimentos por “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis“.

O código para os ativos isentos de renda fixa é o 12.

Basta preencher as informações solicitadas, também contidas em seu informe.

Não tem conta na XP? Abra a sua clicando aqui.

Fontes

Receita Federal
Ministério da Economia
Blog XP

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “XP”) tem caráter meramente informativo, não constitui e nem deve ser interpretado como sendo material promocional, solicitação de compra ou venda, oferta ou recomendação de qualquer ativo financeiro, investimento, sugestão de alocação ou adoção de estratégias por parte dos destinatários. Os prazos, taxas e condições aqui contidas são meramente indicativas. As informações contidas neste relatório foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Este relatório também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados.
Os instrumentos financeiros discutidos neste material podem não ser adequados para todos os investidores. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710.

Receba nosso conteúdo por email

Seja informado em primeira mão, não perca nenhuma novidade e tome as melhores decisões de investimentos

Corretora Home Broker Autorregulação Anbima - Ofertas Públicas Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Certificação B3

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.