Europa: Tradição de empresas centenárias

Entenda as principais características do mercado acionário do Velho Continente


Compartilhar:


Ao olharmos para o passado, vemos que a história da região europeia foi marcada por uma infinidade de guerras e conflitos. Hoje, além de abrigar o centro cultural da civilização, a região é vista pelo mundo todo como um exemplo de solidez, de igualdades de oportunidade, educação e saúde. Confira as principais características da região:

Empresas sólidas e negócios de longa data

Se observarmos as 3 maiores empresas europeias por valor de mercado: Nestlé (US$ 325bi), LVMH (US$ 310bi), Roche (US$ 310bi), percebemos que todas foram fundadas há pelo menos 125 anos. Essa peculiaridade da bolsa europeia se estende para parte relevante do índice e demonstra a resiliência deste mercado, que já sobreviveu a 2 guerras mundiais. A bolsa americana, ao contrário da europeia, é muito mais baseada em tecnologia e empresas de crescimento: A média de idade das 3 maiores empresas dos EUA é de apenas 40 anos.

Também vale ressaltar que o mercado é composto majoritariamente por empresas lucrativas. O índice das 600 maiores empresas europeias entregou, entre 2015 e 2020, margens líquidas médias de 6,6%. O Brasil, por exemplo, entregou apenas 5,7% e com mais risco.

Geradoras de caixa e boas pagadoras de dividendos

Outra característica muito procurada por investidores é a capacidade de uma empresa pagar dividendos ao longo dos anos. Neste quesito, a Europa se destaca: de 2000 a 2019, ações do STOXX 600 pagaram, em média, 3,05% a/a em dividendos, superando os 2,15% das empresas do S&P 500. No longo prazo, a diferença fica mais evidente, com ações europeias distribuindo 18% a mais de dividendos que as americanas.

Fonte: Bloomberg, XP

Diversificação setorial

A bolsa europeia possui uma composição setorial complementar à brasileira, sendo menos concentrada em instituições financeiras e petrolíferas. Entre as principais diferenças, está a presença mais relevante do setor industrial, de saúde e de tecnologia.

Fonte: Bloomberg, XP

Podemos destacar também as diferenças sub-setoriais. Por exemplo, no setor de consumo discricionário europeu, temos a presença das tradicionais montadoras de automóveis como as alemãs Volkswagen, Porsche, Mercedez, Audi e BMW.

Fonte: Bloomberg, MSCI, XP Investimentos.

Já no setor de tecnologia, temos as gigantes SAP e ASML. A primeira é desenvolvedora e fornecedora de software para gestão de empresas, enquanto a segunda é fornecedora global de tecnologia para produção de semicondutores, tendo como clientes todas as principais produtoras de chips do planeta.

Além disso, o subsetor de luxo é praticamente uma exclusividade europeia. A LVMH Moët Hennessy Louis Vuitton, que domina o mercado de alto-padrão, é listada em bolsas na Europa e possui em seu portfólio grandes marcas como: Tiffany, TAG Heuer, Dom Pérignon, Fendi e Dior. Na lista do luxo, podemos adicionar também a italiana Ferrari e a francesa Kering, conglomerado que possui marcas como Gucci, Bottega Veneta e Balenciaga.

Podemos observar o contraste com emergentes. Na bolsa brasileira, por exemplo, alternativas de investimento em empresas com marcas globais são menos difundidas; no país, dentre as principais componentes dos setores de bens de consumo e bens discricionários estão redes varejistas locais (Magazine Luiza, B2W e Renner) e frigoríficos (JBS e Marfrig).

Foco em sustentabilidade

No centro do Acordo Verde Europeu (Europe Green Deal) e em linha com o Acordo de Paris (2016) está a meta da União Europeia de zerar suas emissões líquidas de gases efeito estufa até 2050. Para alcançar tal objetivo, estima-se que o bloco econômico tenha de investir € 7 trilhões nos próximos 30 anos em fontes de energia limpa e novas tecnologias.

Neste cenário, a Europa possui empresas bem posicionadas para capturar tais estímulos trilionários: Volkswagen (a maior vendedora de elétricos do continente), Enel (operadora de campos eólicos), Vestas (maior fabricante de turbinas eólicas do mundo) e Alstom (fabricante de trens elétricos de alta velocidade).

Em geral, ações europeias trazem diversificação, solidez de empresas bem estabelecidas, enquanto representam o poder de marcas centenárias e tendem a ser boas pagadoras de dividendos.

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este relatório foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins do artigo 1º da Instrução CVM nº 598/2018. Este relatório tem como objetivo único fornecer informações macroeconômicas e análises políticas, e não constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicitação de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participação em uma determinada estratégia de negócios em qualquer jurisdição. As informações contidas neste relatório foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Este relatório também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opiniões, estimativas e projeções expressas neste relatório refletem a opinião atual do responsável pelo conteúdo deste relatório na data de sua divulgação e estão, portanto, sujeitas a alterações sem aviso prévio. A XP Investimentos não tem obrigação de atualizar, modificar ou alterar este relatório e de informar o leitor. O responsável pela elaboração deste relatório certifica que as opiniões expressas nele refletem, de forma precisa, única e exclusiva, suas visões e opiniões pessoais, e foram produzidas de forma independente e autônoma, inclusive em relação a XP Investimentos. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informações sobre produtos, tabelas de custos operacionais e política de cobrança, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

Receba nosso conteúdo por email

Seja informado em primeira mão, não perca nenhuma novidade e tome as melhores decisões de investimentos

Corretora Home Broker Autorregulação Anbima - Ofertas Públicas Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Certificação B3

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.